Preenchimento labial

O preenchimento dos lábios é um dos tratamentos estéticos mais utilizados na atualidade, por isso, resolvemos esclarecer alguns mitos desse procedimento.  Vamos lá:

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

1) Preenchimento labial sempre deixa a aparência artificial?

Não, o normal e ideal é que se mantenha o aspecto natural. Isso tem relação direta com a técnica de aplicação do especialista e com a natureza do produto: quanto mais semelhante à composição dos tecidos, maior a probabilidade de integração entre eles. Qualquer aspecto artificial na aparência da paciente é causado devido ao mal-uso da técnica de preenchimento labial ou substâncias incorretas.

Por isso, recomenda-se realizar o procedimento com profissional capacitado.

O preenchimento labial realizado com cautela e seguindo rigorosos métodos manterá a naturalidade na aparência da paciente.

 

2) O procedimento é definitivo?

Não. De tempo em tempo, precisa-se retocar os lábios. Isso é necessário porque as substâncias utilizadas no preenchimento labial duram por tempo limitado.

O responsável pelo tratamento orienta a paciente quanto a frequência em que ela deverá preencher os lábios.

 

3) Substâncias definitivas são recomendadas?

Não. A tendência atual é selecionar produtos que acompanhem um envelhecimento fisiológico, não modifique a aparência natural com preenchimentos definitivos, os quais, com o tempo, passarão a modificar a harmonia do rosto ao serem submetidos (preenchimentos e tecidos) ao efeito da força de gravidade. O ácido hialurônico beneficia sua duração ao evitar sua degradação precoce.

Além disso, corre-se, também, o risco de ter resultados artificiais. Lembre-se de que o preenchimento labial só compromete a aparência quando mal executado.

Atenção: É preferível preencher os lábios com certa frequência do que apostar em soluções “milagrosas”.

 

4) Toxina botulínica é usada para preencher os lábios?

Não. Ácido hialurônico é uma das substâncias usadas para preenchimento labial. O enxerto de gordura do próprio corpo da paciente é outro meio de aumentar o volume dos lábios.

A toxina botulínica é empregada em tratamentos contra rugas no rosto.

Atenção: Nada de preenchimento labial com esse material.

 

5) A aplicação é dolorosa

Isso se tornou mito depois da nova linha de preenchimentos que incorpora lidocaína, obtendo uma melhora no conforto do paciente durante e após a aplicação.

No entanto, se você ainda tiver alguma dúvida, procure o seu dermatologista para esclarecer como acontece esse tipo de procedimento. 

Kaline Ximenes